Aécio convoca tucanos para fortalecer candidatura de Pestana e resgatar o protagonismo de Minas Gerais

“Estamos juntos, mais uma vez, para devolver a Minas Gerais o protagonismo que nunca poderia ter perdido”. Com essa mensagem, o deputado federal e ex-governador Aécio Neves abriu seu pronunciamento na Convenção Estadual do PSDB, que homologou, nesta sexta-feira (05/08), a candidatura de Marcus Pestana na disputa pelo governo do Estado e do vereador Bruno Miranda ao Senado, na aliança formada entre a Federação PSDB/Cidadania e o PDT.

Aécio foi recebido com grande entusiasmo pelas lideranças e militantes tucanos reunidos na convenção realizada em Belo Horizonte. Na véspera, ele informou ao partido sua opção por disputar um novo mandato na Câmara dos Deputados, mesmo liderando todas as pesquisas eleitorais para o Senado, exatamente em favor da composição da chapa majoritária com o PDT. 

Muito aplaudido pelo auditório lotado, tendo ao lado Marcus Pestana, o presidente do PSDB-MG, deputado Paulo Abi-Ackel, deputados e prefeitos, Aécio convocou a todos ao trabalho de levar aos eleitores de todas as regiões as propostas de Pestana.

“Pestana é o mais qualificado candidato nessas eleições. Hoje, estamos iniciando a caminhada para devolver a Minas Gerais seu lugar. Quando Minas se ausenta das grandes questões nacionais, como agora, acontece o que está acontecendo: radicalismo. Uma luta quase que fratricida e inconsequente. Temos todas as condições de recolocar no governo de Minas alguém que planeje e que execute com coragem e com qualidade. Minas não é qualquer estado. Não vamos nos acostumar com tão pouco quanto estamos tendo hoje. O que temos aqui ninguém mais tem. A nossa aliança não é forjada em cargos públicos, no oportunismo de se estar exercendo o poder. Ela nasce da convicção de que Minas Gerais precisa ter uma opção diferente das já colocadas. Temos de ter orgulho de levar agora a toda Minas Gerais o nome de Marcus Pestana”, ressaltou.

E destacou que a polarização apontada hoje nas pesquisas na disputa pelo governo não refletem ainda a escolha dos eleitores, que só se decidirão após compararem as propostas dos candidatos.

“Poucas campanhas eleitorais, e eu já disputei muitas, começam com tanto entusiasmo e com tanta responsabilidade como esta. Poucas vezes na história de Minas Gerais o PSDB, e seus aliados, se fizeram tão necessários quanto são hoje. A atual polarização é balela. A campanha ainda não começou. A largada não é o mais importante e tampouco a chegada. O mais representativo e o que muda as nossas vidas é a caminhada. Me orgulho de fazer esta caminhada por toda Minas Gerais ao lado do mais preparado e mais qualificado homem público que é Marcus Pestana. Não tenho dúvida de que quando os mineiros estiverem atentos àquilo que se discute, quando eles olharem para os candidatos e começarem a comparar quem vai conduzir o nosso destino, a opção será pelo candidato do PSDB, do Cidadania e do PDT”, disse.

Aécio também relembrou as conquistas e os indicadores alcançados no Estado nas gestões do PSDB, quando Minas registrou os melhores resultados nacionais na educação, na saúde e na segurança. Ele destacou o programa Proacesso que levou asfalto a 220 municípios e os importantes investimentos executados nas áreas de meio ambiente, cultura e nas regiões mais pobres do Estado.

“É muito bom andar de cabeça erguida por cada canto desse maravilhoso estado para dizer que é possível sim voltar a Minas Gerais que tivemos, quando tínhamos a melhor educação do Brasil, a melhor saúde da Região Sudeste, os maiores investimentos e o maior programa de infraestrutura da história do nosso estado. É hora sim de Minas pensar grande e pensar grande significa votar no PSDB de novo para o Palácio da Liberdade. Agora com Marcus Pestana governador. A sua candidatura é para resgatar Minas Gerais”, concluiu Aécio.

Fotos: Rafa Aguiar
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+